Review - Journey To The Center of The TARDIS

05:50 luvdoctorwho 0 Comments





Spoilers abaixo:

“Pense na maior nave que já viu. Agora esqueça, porque esta é infinita!”

O episódio mais esperado do Team Sexy TARDIS chegou, e deixou todos boquiabertos por ser tão espetacular!

Uma equipe de resgate espacial composta por dois homens e um suposto andróide encontra a Tardis a deriva no espaço, e acreditam que ela pode ter alguma coisa de valor para eles. Enquanto isso o Doctor tenta ensinar a Clara pilotar, deixando a Tardis no modo básico, deixando a Tardis sem defesa alguma, quando são surpreendidos pela apreensão de uma outra nave.
 Acontece que ao atraírem a Tardis para dentro da nave de resgate, a equipe acaba comprometendo todo seu sistema e engenharia. Com a Tardis caída em meio a várias outras coisas o Doctor procura a equipe para tirar satisfações mas percebe que Clara ainda está dentro da Tardis, e corre grande perigo de vida. O Doctor pede ajuda da equipe para encontra-la, e oferece algo em troca:

“Atrás dessas portas está o espólio de uma vida!”

A equipe decide então ajudar, acreditando que receberão uma grande recompensa, a própria Tardis talvez, mas assim que entram, o Doctor tranca as portas e aciona a contagem regressiva de autodestruição da Tardis, o que eles acham ser 1 hora acaba por ser menos de 30 minutos que seria tempo o suficiente para que eles encontrassem a Clara e parassem a auto-destruição:

“O espólio de uma vida. Vocês acharam que era a nave, eu estava falando da Clara”

Começa então o que pensamos que seria uma incrível jornada pela nave infinita, e vemos tanto o Doctor com a equipe quanto a Clara passando por alguns quartos da Tardis que muitas vezes ouvimos falar, mas só agora tivemos a chance de ver. Clara encontra um quarto de lembranças onde podemos ver o berço que foi usado pela River, uma mini Tardis que parece ser obra de certa Amelia Pond, e a vemos segurando o guarda-chuva que pertenceu ao sétimo Doctor. Também descobrimos que ela está sendo perseguida por uma criatura pra lá de esquisita e misteriosa. Agora fugindo da criatura, Clara passa pela piscina (Swimming Pools are cool), pela sala do telescópio, e finalmente chegamos a uma incrível e absurdamente grande biblioteca.

“Issó é puro exibicionismo.”

Na biblioteca, Clara encontra um livro intitulado “A História da Guerra do Tempo” e passa a folear o livro, mas é obrigada a fugir mais uma vez da criatura, derrubando um frasco contendo parte da enciclopédia gallifreyan.  Enquanto Doctor e a equipe de resgate se separam para tentar encontra-lá mais rápido.

 Enquanto dois dos integrantes da equipe de resgate continuam com o Doctor, um dos membros da equipe volta a sala de console para tentar extrair algo valioso de lá. Ouvimos alguns ecos do passado na voz de Susan, falando como inventou o nome Tardis, e na voz do nosso querido 9th Doctor, Eccleston e de outros personagens como Jo, Martha, Amy, Ian...

"A Assembléia da Horde dos Genghis Khan não conseguiu passar por essas portar, e acreditem eles tentaram."


O Doctor chega com a equipe na sala de Reconfiguração Arquitetônica da Tardis, a sala que contem o material genético da nave. Um dos membros do resgate tenta roubar uma mostra dessa sala e a partir daí a Tardis começa criar labirintos, impedindo a todos de encontrar uma saída. 

Em meio a muita confusão e perseguições, Doctor e Clara acabam por estar na mesma sala mas com segundos de diferença criando assim uma espécie de realidade em cima da realidade. Percebendo que Clara está em perigo o Doctor então usa uma das funcionalidades da SonicScrewdriver (mais uma) e pucha a Clara.  Com todos novamente na sala de console, o Doctor revela que não existia nenhuma contagem regressiva para autodestruição, mas agora eles tem um problema ainda maior: A Tardis está realmente prestes a explodir.

"Uma máquina que faz máquinas." 

Doctor, Clara e a equipe estão agora a caminho do centro da Tardis. Passando pelo “Olho da Harmonia” a fonte de energia - Uma estrela explodindo prestes a se tornar um buraco negro, um projeto muito criativo dos Senhores Do Tempo.
Cercados pelas criaturas misteriosas, Clara dá um ultimato ao Doctor, exigindo saber quem são aquelas coisas, e acaba descobrindo que as criaturas são eles no futuro, então eles começam interferir na linha temporal para que tal futuro não aconteça. Os irmãos acabam se tocando e virando uma espécie de zumbi. 

Conseguindo sair do Olho da Harmonia, Clara e Doctor chegam a um penhasco que mais tarde descobrimos ser apenas uma ilusão da Tardis tentando proteger o seu centro, o seu coração, que já havia explodido. Não vendo uma saída, Doctor confronta Clara sobre quem ela realmente é, revelando que já a encontrou antes no Asilo dos Daleks e na Londres Vitoriana, mas Clara não tem ideia do que ele está falando. 



Doctor acha um meio de salvar a Tardis, passando por uma fenda temporal até o passado para avisa-lo dos perigos que estavam por vir, fenda esta que se abriu no momento em que caíram na nave resgate. Antes do que o Doctor passe pela fenda e tudo fosse esquecido, Clara revela que ela viu o nome dele no livro da guerra do tempo, mas o Doctor diz que é melhor que ele continue a ter segredos, e assim que passar pela fenda, tudo será esquecido.

Voltamos então a momentos antes da Tardis ser capturada, e eles conseguem escapar a tempo da nave resgate usando o 'botão amigável', e tudo o que aconteceu não passou de mera distorção temporal.

Com certeza foi um episódio de tirar o folego, e dificilmente será esquecido pelos Whovians. Esperamos mais emoções no próximo sábado, com a turma de “The Snowmen” reunida para uma aventura carmesim. 

Escrito por Rafael Nicolau em 29 de Abril de 2013
Revisado e Postado por: Mariana.
Comentários
0 Comentários